AULA QUE VALE A PENA
                                                                                                        Técnicas e Práticas do professor resiliente
                                                                      Um estudo

Depoimentos
 
 Alessandra Bogajo 
1300
MAIS DICAS DA ALESSANDRA:
22/07/15
A Universidade de São Paulo (USP) oferece, gratuitamente, material em vídeo do curso online "Introdução aos Estudos da Educação I". A disciplina está voltada para a formação de professores da educação básica. 
Acesse as aulas aqui >
bit.ly/1HJuZG5

23/07/15
Olá, bom dia! Hoje, criando autoria para o meu TCC lembrei de um autor muito bom para explicar a CULTURA DIGITAL que não pode ficar esquecida no nosso paradigma de mundo, aliás é intrínseca a esse e o constrói- segue um link legal para sua leitura: 
http://abciber.org.br/publicacoes/livro1/textos/cibercultura-como-territorio-recombinante1/
O autor André Lemos é importante na área de cultura digital. Abraços.

Alessandra Bogajo   



CCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCCC

A Aula que vale a pena Técnicas e Práticas do professor resiliente

Público-alvo da pesquisa:  treinadores, instrutores, monitores, coordenadores, professores, 
mestres, maestros, educadores, facilitadores, cuidadores, disciplinadores, reabilitadores, 
condutores, guias, organizadores, orientadores, pais, mães, avós.

TÓPICOS de Reflexão

·         Todo professor já pensou em desistir. O que o faz continuar.

·         O que realmente interessa na docência.

·         O que é possível mudar.

·         Qual é o professor ideal.

·         Qual é o aluno ideal.

·         Qual será a escola ideal.

·         Qual será o futuro do Ensino.

·         Qual experiência educacional sobreviverá.

·         A mãe é a melhor professora.

·         O que ensina o pai.

·         Qual o papel dos avós.

·         Quando nenhum método funciona.

·         Quando tudo está fora de controle.

·         Quando é preciso resignificar cada palavra.

·         Qual a didática que satisfaz.

·         Resiliência,  epistemologia, cultura, religião, filosofia & ética.

·         A música como ferramenta de socialização.

·         A arte como reflexão.

·         A consciência política.

·         Conflitos, dissonâncias & frustrações.

·         Avaliar e ser avaliado.

·         Relatórios, registros.

·         Objetivos, agendas, metas, disponibilidades.

·         Eficiência x Deficiência.

·         Excelência fazendo o que tem que ser feito.

·         Alternativo, conservador, inovador.

·         Tecnologia, parceria, compartilhar solidário.

·         Comunicação.

·         Ministrando a Aula que vale a pena.

·         Inovação educacional para as próximas décadas.

·         Sentindo-se realizado pela aula dada.



A AULA QUE VALE A PENA
Idealização:

 "Que as minhas palavras sejam justas com os justos, resistam à hipocrisia dos hipócritas, sejam divertidas e honestas para as crianças; confiáveis para os adultos e sóbrias para os sábios. 

Mas, cordiais com quem quer que seja, sobretudo."

Sou professor.

(Guto MaiaSão Paulo, 20 de julho, de 2015. 

Carta aos professores,

Estou pedindo para professores e amigos educadores um depoimento sobre “qual seria a AULA QUE VALE A PENA”.

Esse trabalho faz parte de um estudo acadêmico que venho elaborando sobre inovação em educação, com novas teorias experimentadas no IBFC,  com resultados positivos com os alunos.

Faço relatórios diários, mensais e de conclusão de cursos com boa aceitação da Direção pelas novas possibilidades aplicadas com sucesso com os alunos, resultando melhor absorção do conteúdo. Esses relatórios serão organizados por temas e tópicos e se transformarão num guia para professores.

O ensaio passará pelas possibilidades de avanço em aprendizado nos vários níveis sociais, faixas etárias e expectativas profissionais.

A meta é refletir sobre o aprendizado qualificado que privilegia a diversidade cultural e intelectual de cada individuo, gerando um manual de ferramentas para educadores.

Se você puder participar, me ajudará sobremaneira e fico muito grato.

Pretendo construir um painel desses depoimentos num link online, com os devidos créditos.

O nome provisório do projeto é:

“A AULA QUE VALE A PENA – Técnicas e Práticas do professor resiliente”

No topo, os tópicos que venho desenvolvendo em capítulos.

O seu depoimento pode ter o formato que preferir, com liberdade total de enfoque.

A criatividade é toda sua.

Grande abraço.

 

Guto Maia é diretor/autor teatral (“O Dodói da Gigi” e “Nunca Me Vi, Sempre Me amei”); músico/vocalista (“Dois do Brasil, Cultura Musical”); professor do Instituto Yara Angelini (NEED), especialista em Educação Inclusiva. Membro do Conselho de Saúde do CER (Centro Especializado em Reabilitação, UBS Sé/Santa Cecília -17/18). Foi professor multidisciplinar na Extensão Comunitária da UNIP (Universidade Paulista), no IBFC (Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação); e professor do Teatro Escola Macunaíma. Estudou Música Popular Brasileira e Ética na ECA/USP, violão, no CLAM, guitarra, no IG&T, canto no CORALUSP, Coral do CCSP e Madrigal Canto Vivo; Pedagogia, na Faculdade Messiânica; Adm. Empresas, na Uni Braz Cubas e Uni Santana; Extensão em Artes Plásticas, UFMG; e Arquitetura, na Faculdade de Belas Artes/SP. Cursou Comunicação Verbal, no Instituto Passadori, em 2016, onde passou a ser facilitador no curso de Teatro para Comunicadores.


55(11)33134337 - res.
55 (11) 993784603 - cel.
 

 

 A AULA QUE VALE A PENA
Copyright Espaço Dois do Brasil | Todos os direitos reservados
Criado em 20 de julho de 2015


 


Pesquisa/Supervisão/Consultoria:

 

Guto Maia é diretor/autor teatral (“O Dodói da Gigi” e “Nunca Me Vi, Sempre Me amei”); músico/vocalista (“Dois do Brasil, Cultura Musical”); professor do Instituto Yara Angelini (NEED), especialista em Educação Inclusiva. Eleito Conselheiro de Saúde do CER (Centro de Especializado em Reabilitação), UBS (Unidade Básica de Saúde) Sé/Santa Cecília - 2017/18. Foi professor multidisciplinar na Extensão Comunitária da UNIP (Universidade Paulista), no IBFC (Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação); e professor no Teatro Escola Macunaíma. Estudou Música Popular Brasileira e Ética na ECA/USP, violão, no CLAM (Dentro Livre de Aprendizado Musical, guitarra, no IG&T (Instituto de Guitarra e Tecnologia), canto no CORALUSP, Coral do CCSP (Centro Cultural São Paulo) e Madrigal Canto Vivo; Ficção, Poesia, Crônica, Dramaturgia e Conteúdo Digital, na Oficina da Palavra; Pedagogia, na Faculdade Messiânica; Adm. Empresas, na Uni Braz Cubas e Uni Santana; Extensão em Artes Plásticas, UFMG; e Arquitetura, na Faculdade de Belas Artes/SP. Cursou Comunicação Verbal, no Instituto Passadori, em 2016, e prepara o CURSO TEATRO PARA COMUNICADORES.
Foi um dos organizadores do Natal Iluminado 2016, com eventos corais, música, teatro, dança e intervenções artísticas pela cidade, realizado pela Associação Comercial de São Paulo.
Prof. Guto Maia
BAPTISTA, José Augusto Maia, 2015
       ATIVIDADES REDATOR EVENTOS PREMIAÇÕES FORMAÇÃO WEB

 

 

(Última atualização 21/nov/2015)  

 

GUTO MAIA - GESTOR CULTURAL
Pesquisador e Eterno Aprendiz


Guto Maia é diretor/autor teatral (“O Dodói da Gigi” e “Nunca Me Vi, Sempre Me amei”); músico/vocalista (“Dois do Brasil, Cultura Musical”); professor do Instituto Yara Angelini (NEED - Núcleo de Especialização em Deficiência Física e Mental), especialista em Educação Inclusiva. Eleito Conselheiro de Saúde do CER (Centro Especializado em Reabilitação), UBS (Unidade Básica de Saúde) Sé/Santa Cecília - 2017/18. Foi professor multidisciplinar na Extensão Comunitária da UNIP (Universidade Paulista), no IBFC (Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação); e professor no Teatro Escola Macunaíma. Estudou Música Popular Brasileira e Ética na ECA/USP, violão, no CLAM (Centro Livre de Aprendizado Musical, guitarra, no IG&T (Instituto de Guitarra e Tecnologia), canto no CORALUSP, Coral do CCSP (Centro Cultural São Paulo) e Madrigal Canto Vivo; Ficção, Poesia, Crônica, Dramaturgia e Conteúdo Digital, na Oficina da Palavra; Pedagogia, na Faculdade Messiânica; Adm. Empresas, na Uni Braz Cubas e Uni Santana; Extensão em Artes Plásticas, UFMG; e Arquitetura, na Faculdade de Belas Artes/SP. Criou as Oficinas Culturais do Clube de Regatas Tietê, em 1996, que chegou a ter mais de 1000 alunos, entre sócios e convidados..
Palestrante com foco em PCD (Pessoas com Deficiência). Formado em Comunicação Verbal, no Instituto Passadori, em 2016, 
Foi um dos organizadores do Natal Iluminado 2016, com eventos corais, música, teatro, dança e intervenções artísticas pela cidade, realizado pela ACSP - Associação Comercial de São Paulo. Referência: Revista D+: http://revistadmais.com.br/arte-musica-e-acao/
Depoimentos sobre o professor Guto Maia: https://goo.gl/HE9WTs


NOTAGuto Maia é membro eleito do Conselho-Gestor do CER III - Sé (Centro Especializado em Reabilitação), empossado em 19/12/2016, para o biênio 2017/18.

O que é o CER:
Centro Especializado em Reabilitação (CER III) – Santa Cecília / São Paulo
   

Os CERs são unidades voltadas para o atendimento especializado de pessoas com deficiência que necessitam de reabilitação, com o objetivo de
desenvolve.r seu potencial físico e psicossocial.   
   
O diagnóstico, a avaliação, a orientação e a estimulação precoce dos usuários são responsabilidade da equipe multiprofissional, composta de Fisioterapeutas, Terapeutas Ocupacionais, Fonoaudiólogos, Médicos, Psicólogos, Assistentes Sociais e Enfermeiros. 
   
Para proporcionar o acesso de pessoas cuja deficiência interfira em sua mobilidade e em sua acessibilidade aos meios de transporte convencionais, o serviço conta com veículos adaptados para o transporte dos usuários.   
   
Existem três categorias de CER – a II, a III e a IV, números que correspondem à quantidade de modalidades de reabilitação oferecidas (física, intelectual e autismo, visual, auditiva).   
   
CONSIDERAÇÕES SOBRE DEFICIÊNCIA: 
   
1° - Ajudar;
2° - Pedir ajuda;
3° - Aceitar ajuda de bom grado;
4° - Gratidão;
5° - Não se bate em DEFICIENTE;
6° - Não se humilha um DEFICIENTE;
7° - Não se trata com truculência o DEFICIENTE;
8° - Não se perde a paciência com DEFICIENTE;
9° - NUNCA se promete nada a um DEFICIENTE, que não possa cumprir;
10° - Por “DEFICIENTE” entenda-se todo ser que respira, pois todos são imperfeitos e não existem dois iguais; 
11° - Nem toda DEFICIÊNCIA é visível;
12° - Antes de ser o primeiro a apontar o erro do outro, reflita: isso pode ser uma falha sua; 
13° - Procure entender o contexto de cada momento e ter paciência para estudar cada caso. Isso evita armadilhas:
14° - Pense a respeito, antes que seja tarde demais.

Guto Maia (José Augusto Maia Baptista)
Conselheiro Gestor de Saúde do CER - 2017/18
Centro Especializado em Reabilitação
CER III Sé / Santa Cecília/SP

O que é o NEED:
Núcleo de Especialização e Educação Para o Deficiente Físico e Mental - desde 2000 - Ipiranga / São Paulo

NEED - NÚCLEO DE ESPECIALIZAÇÃO E EDUCAÇÃO PARA O DEFICIENTE FÍSICO E MENTAL

O Instituto Yara Angelini foi fundado em 2000 como Organização Não governamental. A pesquisa realizada por suas fundadoras demonstrou a carência do atendimento ao jovem e adulto deficiente mental e a necessidade concreta de prestação de assistência neste segmento, tendo em vista a abordagem do deficiente mental como um todo: ou aspectos físicos, psíquicos e anímicos.

Diferenciando-se das instituições que nascem da necessidade de mães de pessoas com deficiência, o Projeto Need foi idealizado por profissionais das áreas de psicologia, fisioterapia e pedagogia com experiência na área e abordagem diferenciada, permitindo o embasamento educacional e cultural, priorizando a superação pessoal e cultural, o bem estar, a qualidade de vida e a aceitação social.

A antroposofia, a pedagogia curativa e a terapia artística são a base do trabalho

A instituição conta com um espaço adaptado às ações que desenvolve, procurando sempre manter um ambiente controlável às necessidades dos educandos.

Os tratamentos e trabalhos desenvolvidos no Instituto Yara Angelini na área da saúde são: fisioterapia, fonoaudiologia, acupuntura e terapia ocupacional.

Na área da educação são oferecidas oficinas pedagógicas, artesanato, terapia artística, dança, teatro e música. Também são ministradas atividades esportivas mediante esporte adequado.

Os Projetos de Terapia do convívio e de residência adaptada, assim como o de Inserção no Mercado de Trabalho mediante Trabalho Assistido estão sendo aperfeiçoados.

O Instituto possui Projetos aprovados  pelo Fumcad (Fundo Municipal da Criança e Adolescente) na Prefeitura Municipal de são Paulo.

No exercício de nossas atividades cumprimos os princípios básicos de legalidade, impessoalidade e eficiência. Seguimos a legislação do CNAS (Conselho Nacional de Assistência Social).

Durante os dezesseis anos de trabalho a Equipe Need manteve a Instituição contando sempre com colaboradores da comunidade, associados que participam ativamente para que continuemos esta Ação Social.

O Departamento de Música Integrativa tem a coordenação do prof. Guto Maia e prof. Pitú Leal, arte-educadores, com supervisão pedagógica da psicóloga Avani Vanzetto

Em 2015, foi criado o Coral NEED, e para o carnaval 2017, o Bloco “Loucos pelo NEED”

Na continuidade do trabalho musical, serão criadas oficinas de construção artesanal de instrumentos e uma orquestra com os educandos e convidados.

NEED – Núcleo de Estudos Especializados para o Deficiente Físico e Mental

Para convites para apresentações e para conhecer o NEED, entre em contato. 

Endereço: Rua Costa Aguiar, 1302 - Ipiranga, São Paulo 


Telefone: (11) 2914-9854




Coral do NEED, desde 2015. Regência prof. Guto Maia




D
oisdoBrasil
  22 Anos de Música & Cultura
Música para Humanos & Simpatizantes

A Música nos torna íntimos em poucos acordes
Música & Neurociência 
Cultura & Pensamento
Inclusão & Diversidade
Musicalização Integrativa
Ensino & Método
Projetos Experimentais
Pesquisa Científica

Venha conosco!
  
 

Guto Maia e Rossana Rosengarten
Tel: 55 11 3313.4337 / 99378.4603 / 97644.5061 - São Paulo/BRA 

doisdobrasil@gmail.com
maiagutomaia@gmail.com
rossana.rosengarten@gmail.com